Gabinete Emergencial de Prevenção e Acompanhamento do Covid-19

Gabinete Emergencial de Prevenção e Acompanhamento do Covid-19 atua no monitoramento e prevenção da doença em Lages.Algumas medidas que serão adotadas após a confirmação de casos de Covid-19 na cidade deverão seguir o protocolo internacional da Organização Mundial da Saúde (OMS).

 O prefeito Antonio Ceron, acompanhado do vice Juliano Polese, assinou, na manhã desta sexta-feira (13 de março), o Decreto número 17.896, que institui em Lages o Gabinete Emergencial de Prevenção e Acompanhamento do Covid-19 (novo coronavírus). O objetivo deste Gabinete Especial é concentrar informações e demandas, tomar decisões e orientar a população sobre os procedimentos que deverão ser adotados em casos suspeitos e confirmados da doença em Lages, atuando também na prevenção. “Estamos realizando um trabalho de prevenção para evitar ao máximo a proliferação deste vírus em nossa cidade. Por isso, as orientações oficiais são importantes para que a população esteja preparada e consciente da real situação da pandemia do coronavírus”, reitera o prefeito. 

Integram o Gabinete, representantes de órgãos públicos e entidades ligadas à saúde, como da Secretaria Municipal da Saúde; Conselho Municipal de Saúde; Regional de Saúde; Corpo de Bombeiros; 1° Batalhão Ferroviário; 2ª Região de Polícia Militar; Polícia Civil; Samu; Defesa Civil; os hospitais Tereza Ramos, Nossa Senhora dos Prazeres e Seara do Bem; Secretaria Municipal de Educação; Conselho Municipal de Educação; Gerência Regional de Educação (Gered); Consórcio Intermunicipal de Saúde, e Câmara de Vereadores.

Algumas medidas que serão adotadas após a confirmação de casos de Covid-19 na cidade deverão seguir o protocolo internacional da Organização Mundial da Saúde (OMS). Outras deverão passar pela análise técnica do Gabinete Emergencial de Prevenção e Acompanhamento do Covid-19 instalado no município.

Algumas providências

O prefeito Antonio Ceron enviou, na tarde desta quinta-feira (12 de março), um ofício ao governador Carlos Moisés da Silva solicitando a antecipação e abertura imediata dos leitos de UTI do novo prédio do Hospital Tereza Ramos. “Temos um estrutura nova e com equipamentos que podem ser utilizados no atendimento dos casos que apresentarem a necessidade de internação”, comenta o prefeito.

Se necessário também, a prefeitura de Lages colocará à disposição e em funcionamento a antiga estrutura do Pronto-Atendimento (P.A.) Tito Bianchini, no Centro, com leitos para atendimento dos pacientes. “É um momento delicado, mas não para pânico na sociedade. Junto as demais entidades estamos organizando uma estrutura de trabalho e atendimento, se necessário, para os casos do novo coronavírus”, salienta a secretária municipal de Saúde, Odila Waldrich.

Fake News

Uma das primeiras orientações do Gabinete Emergencial de Prevenção e Acompanhamento do Covid-19 é que a comunidade tenha extremo cuidado e atenção na divulgação das informações sobre este caso. Algumas informações falsas, as chamadas fake news, principalmente nas redes sociais, acabam prejudicando o trabalho das entidades responsáveis.     

Outra providência será o trabalho de orientação e prevenção ao Covid-19 nas unidades escolares da rede pública, podendo se estender também para as particulares da cidade. “A ideia é que os alunos sejam os multiplicadores das informações de como se prevenir o coronavírus”, explica o vice-prefeito, Juliano Polese.   

Telefones úteis

A porta de entrada para os atendimentos no Sistema Único de Saúde (SUS) são as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) dos bairros. A recomendação é para que as pessoas, em um primeiro momento, façam o contato via telefone com a Agente Comunitária de Saúde (ACS) para a comunicação de algum caso que possa ser considerado suspeito para o novo coronavírus. Mas a comunidade poderá entrar em contato também, diretamente com a Vigilância Epidemiológica do município pelo telefone: 3251 7626 ou até mesmo com a Defesa Civil Municipal, pelo número 199.

Jogo de volta da Final da Supercopa de Futsal Feminino

As Leoas da Serra irão disputar o primeiro jogo da Supercopa de Futsal Feminino 2020 neste sábado (14 de março), às 20h, contra a equipe de Taboão da Serra (SP), no ginásio “Zé do Feijão”, em território paulista. Com relação à partida da volta, que está programada para o dia 28 de março (sábado), o prefeito Antonio Ceron cogita a hipótese de suspender ou realizar o jogo com portões fechados para a torcida. Uma decisão definitiva deverá ser divulgada na próxima semana após contato com a Confederação Brasileira de Futebol de Salão (CBFS), conforme as condições sanitárias do momento.

Caso suspeito

Já o caso da mulher de 28 anos, que veio da Itália, com suspeita de Covid-19, ainda não saiu o resultado oficial do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen/SC). Ela permanece em isolamento domiciliar e não apresenta mais os sintomas do novo coronavírus. “Temos outros casos que são considerados suspeitos, porém, os pacientes não apresentam os sintomas. Estas pessoas vieram de áreas que apresentam o novo coronavírus. Todos estão sendo monitorados”, esclarece a secretária de Saúde, Odila.

Texto: Ari Junior/Colaboração: Aline Tives

Fotos: Nathalia Lima

 

 

 

 

 

Outras informações acesse o site: http://www.lages.sc.gov.br

Prefeitura de Lages