Monumento O Tropeiro

Tropeiros paulistas cruzaram o planalto serrano catarinense na região conhecida como a continuação dos campos das Vacarias. O Governador da Capitania de São Paulo incumbiu o bandeirante Correia Pinto a fundar um povoado na região, que serviria de ponto de defesa contra a invasão dos castelhanos que cobiçavam a região e proteger tropeiros e viajantes. Em 22 de novembro de 1766 é fundada a povoação de Nossa Senhora dos Prazeres das Lajens – Lages. Nestes mais de 200 anos ficou o legado ainda intocável dos nossos campos nativos, formados por coxilhas com suas taipas centenárias e rios de águas puras e límpidas. Lages cresceu forjada no trabalho de um povo ordeiro que tem na hospitalidade a sua maior virtude. 

Praça Vidal Ramos Sênior - Praça do Terminal

Foi a mais importante da cidade. Mercadores de produtos regionais e crioulos se reuniam para fazer negócios em feira livre. Era o principal ponto da cidade daquela at... Leia mais

Praça Vidal Ramos Sênior - Praça do Terminalclose Veja o mapa
Catedral Diocesana - Catedral Nª Sra dos Prazeres

No dia 01 de janeiro de 1922, após 12 anos de construção, estava pronta a grandiosa igreja de Lages para ser consagrada. A missa foi celebrada por D. Joaquim Doming... Leia mais

Catedral Diocesana - Catedral Nª Sra dos Prazeresclose Veja o mapa
Monumento Correia Pinto

A Capitania de São Paulo achou por bem fundar uma povoação nesta região, diziam que a finalidade seria proteger fazendeiros, tropeiros e viajantes contra  o ataqu... Leia mais

Monumento Correia Pintoclose Veja o mapa