Praça Siqueira Campos Cacimba da Santa Cruz

Serviu de fonte abastecedora de água potável para consumo dos tropeiros e viajantes que ali acampavam e para toda a população da Vila de Lages. Tropeiros e viajantes foram incentivados pelo fundador, que fizessem parada e pousada na colina, pois foi argumentado que o local oferecia uma ótima visão da região, pastagem e principalmente água pura e cristalina para o consumo e o privilégio de estarem próximos à Vila. Além da Cacimba, Lages dispunha das águas do Rio Carahá, seus afluentes e finalmente o Rio Caveiras. Com a canalização de água nas residências, a cacimba foi desativada em 1968, e com o decorrer do tempo ficou soterrada, mas em 1973 foi desaterrada e em 1976 restaurada. Hoje é um dos Monumentos Histórico e Cultural de Lages. 
Localizada na rua Carlos Jofre do Amaral em frente ao SCC.

 

Praça Vidal Ramos Sênior - Praça do Terminal

Foi a mais importante da cidade. Mercadores de produtos regionais e crioulos se reuniam para fazer negócios em feira livre. Era o principal ponto da cidade daquela at... Leia mais

Praça Vidal Ramos Sênior - Praça do Terminalclose Veja o mapa
Mesquita Islâmica

Sociedade Islâmica de Lages, única no sul do Brasil. Fundada em 20 de maio de 1977, em termos estruturais foi construída em estilos orientais caracterizando-se por ... Leia mais

Mesquita Islâmicaclose Veja o mapa
Ginásio de Esportes Jones Minosso

Ginásio com capacidade para 5 mil pessoas e foi inaugurado em 2002 durante os Jogos Abertos de Santa Catarina que foram realizados em Lages. Foi construído para abri... Leia mais

Ginásio de Esportes Jones Minossoclose Veja o mapa