Eventos

  • NATAL FELICIDADE 2018

    O Natal, é, sem dúvida, o tempo que movimenta muitas pessoas, inclusive a cidade. O cenário é outro. Luzes por todas as partes, decorações verde e vermelho, além de muitas formas diferentes compõem um espetáculo singelo, alegre e divertido. Lages está em reformas, mas isso não significa que a cidade não terá uma celebração diferente, com novidades e convidativa. Todos os moradores podem participar.

  • Programação do Natal Felicidade 2018

    Acredita-se que em torno de mil artistas locais estarão expostos em 17 dias de agenda, envolvendo aproximadamente dez mil pessoas na plateia diariamente, com enfoque aos finais de semana. A economia dever ser aquecida: lojas, restaurantes, lanchonetes, bares, postos de combustíveis, hotéis e pousadas irão usufruir desta data tão salutar para o mundo inteiro. Sobre as vendas de Natal nas lojas, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) tem uma estimativa de crescimento de 3% em Lages este ano. A abertura oficial está marcada para dia 7 (sexta-feira), às 21h, no Largo da Catedral Diocesana, com entrega da Chave da Cidade ao Papai Noel e apresentação de um espetáculo especial que está sendo montado, o Auto de Natal, sobre a representação do significado desta data, com interação entre imagens e dança, que subirá ao palco novamente nos dias 15 e 23, dia do encerramento. Este musical é composto por coreógrafos, professores e alunos da Escola de Artes Elionir Camargo Martins e dos núcleos do Lages Melhor, que leva aos bairros aulas gratuitas de violão, canto, balé clássico, street dance e manequins e modelos. Os ensaios estão sendo feitos há mais de um mês, movimentando em torno de 30 pessoas. O Natal Felicidade está sendo promovido pela prefeitura de Lages, através da Fundação Cultural de Lages (FCL) e pela Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo, entre outras pastas municipais parceiras, e com a parceria da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).

  • Espetáculo “o moço que contava histórias”

    Sem saber seu nome e nem o nome de sua mãe, um moço contará fábulas e cantigas, que ouvia quando criança, na esperança de conseguir reencontrar sua mãe. As três histórias são inspiradas nas fábulas contemporâneas de Luis Sepúlveda.